Estamos Concientes e determinados de que só a diversidade dos seres vivos, constitui a "essência da vida" e de nossa energia ou força coletiva. Nosso objetivos são mudança! E isso estamos fazendo, com nossos projetos, idéias, e objetivo planetário comum de atuar local e globalmente - desenvolver sem devastar -, reconhecendo a importância da união, solidariedade, verdade, trabalho.
O sonhado desenvolvimento sustentável!
MENU
MAIS LIDOS
EVENTOS
Diretoria do IBF Eco Global
Personalidades
Parque Tecnológico Agroindustrial do Oeste
I Fórum de Planejamento de Cascavel/PR
LIVRO DE VISITAS

Deixe sua mensagem de apoio, idéia ou sugestão em nosso livro de visitas.

Seu nome

Sua cidade

Seu recado

26/05/2011 | BERNADETH GARCIA FROES TAVARES

Niterói

Fico feliz em ver, através do site, o magnífico trabalho do Instituto. Coloco-me a disposição para colaborar no que for possível. É um orgulho saber que os FRÓES estão integrados num trabalho tão necessário ao nosso País e para o planeta. Parabéns a todos.

11/03/2009 | cacá

e daí? tudo bem , quando voltas a pelotas? o meu amigo aristides esta esperando a tua vinda , para trocar e viabilizar algum projeto, o mesmo esta precisando alternativas de negócios. um abração a todos

20/01/2009 | Bernadeth Fróes

É com grande prazer que venho conhecer o maravilhoso trabalho de vocês e sinto-me orgulhosa por pertencer a essa família. Parabéns pela iniciativa.

22/07/2008 | Elisamara

Boa Tarde!!! Gostaria de encaminhar para vossa empresa e-mail sobre programação de cursos, nossa Instituição de ensino esta voltada para a área de saúde, portanto acreditamos poder oferecer a sua empresa cursos que qualificaram seus colaboradores, se possíveis nos fornecer o e-mail para posterior envio da mesma, grata pela sua colaboração.

19/03/2008 | Luís Eduardo da Silveira Delgado

Então tá! finalmente andei visitando vcs, virtualmente..... A correria que acabamos nós mesmo nos impondo é um dos mais perversos sintomas de que algo está realmente errado. Trabalhamos cada vez mais,nossa pegada se alonga,mas não conseguimos nem mesmo desfrutar da qualidade de vida que uma simples visita aos amigos proporciona. Fica mais vergonhoso ainda se morarmos no mesmo bairro, o que éo caso. um abraço Dado Obs: na próxima eu levo o pão!

06/03/2008 | Tereza Stedile

El esfuerzo por el rescate de la vida en su sentido amplio en el planeta, debería ser tarea de todos los habitantes de este lugar que ya ha sido el paraíso. Mientras la mayoría disfruta todo lo que puede, sorbe la savia vital que todavía resta y les echa las espaldas a las consecuencias de sus actos, este instituto avanza con proyectos que vislumbran la esperanza de acciones integradas entre los habitantes de diferentes territorios, que buscan la integración entre todos y que los continentes sean una nueva PANGEA, donde el interés mayor sea la vida, con dignidad, respeto, preservación y equilibrio ante todo. Ojalá esta tarea sea iluminada y más gente se incorpore a estos nobles objetivos y colabore para el avance de estas ideas con sapiencia. Tereza

03/10/2007 | RODRIGO MORETTI

Procura-se um político ambientalista Não posso generalizar, mas também não posso omitir a verdade: nós não possuímos um político empossado em cargo público no estado, que exerça seu mandato, tendo como base a preservação e a conservação do meio ambiente. Algo inexplicável, já que temos tantas instituições e movimentos ambientalistas. O que se pode constatar é que, nós, ditos defensores do meio ambiente, não somos unidos; porque, se fossemos, estaríamos cobrando juntos o que se rege em leis ambientais. Políticos vivem de votos, que são adquiridos através da identificação do eleitor com aquele que quer se eleger. Quando falo de identificação digo que, ao votarmos, procuramos alguém que pensa e age como nós. E aí surge o problema que chamo de identificação político-ambiental. Se olharmos ao nosso redor, veremos pessoas jogando lixo nas estradas, e em terrenos baldios... vale tudo: papel de bala, sorvete, pneus, entulhos de obras, propagandas, etc... Não se preocupam com o que vai acontecer com estes materiais. Mas, nos noticiários sobre inundações, o que geralmente vemos boiando nas águas? Lixo. De quem é a culpa deste lixo boiando? Tenho plena convicção quando digo que, se os governantes de nossas cidades fizessem o mínimo que lhes cabe, como administradores, no que diz respeito ao meio ambiente, teríamos metade dos problemas ambientais resolvidos. Imaginem, então, se tivéssemos políticos realmente preocupados com o meio ambiente? Vamos nos unir; chega de falsos interesses difusos e “ambientalistas”! E vamos procurar cidadãos que se identifiquem politicamente com o meio ambiente Rodrigo Kieslarck Moretti

09/08/2007 | Odair Círico

Parabens gilnei pelos projetos de grande importancia para o mundo, aguardo uma visita em meu restaurante. abraços.

08/06/2007 | antonio carlos a ferreira

Bela iniciativa. Providencial e importante. Acessarei sempre e já repassei para o meu filho de 20 anos, ecológico por natureza e estudante de geografia. Parabéns

19/05/2007 | claudio lopes acunha -cacá

o tempo não foi capaz de apagar as minhas lembranças dos anos 80 quando já caminhavas na busca de soluçõe para termos um mundo melhor, um abração

1 2 3
ENQUETE
A Amazônia corre risco de extinção?
Sim
Não
Pouco
Nunca acabará
WEB RÁDIOS
ECO GALERIAS
Ponte Molhada - Cascavel
Cascavel - por Sergio Sanderson
ARQUIVO SOS
ÁREA RESTRITA

Informe a senha para acesso

ENTRAR

 
842769 visitas.

R.Amazonas, 477 A

Cascavel | São Cristóvão

gilnei@ibfecoglobal.org

+55 45 3227 7750

<a href="http://www.pevermelho.art.br">Pé Vermelho Comunicação</a> PeVermelho.art.br Waldemar Lutinski Rafael Lutinski Luis Carlos de Brito desenvolvido por Pé Vermelho Comunicação